O Racismo através da História – Carlos Moore (livro)

O Racismo através da História (livro completo)

– Carlos Moore 

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO
1.1 – RACISMO E SOCIEDADE / P.10
1.2 – A DEMOCRACIA RACIAL: MITO-IDEOLOGIA DE AUTO-ENGANO / P.11
1.3 – PARINDO A NAÇÃO / P.12
1,4 – A CRESCENTE TRIVIALIZAÇÃO E BANALIZAÇÃO DO RACISMO NO MUNDO / P.15
1.5 – AS RAZÕES PARA ESTE LIVRO / P.17

PARTE I –
RACISMO E ESCRAVIDÃO: O SURGIMENTO DO SISTEMA DE
ESCRAVIDÃO RACIAL

CAP. 1 – ANTERIORIDADE GEOGRÁFICA DOS POVOS
MELANODÉRMICOS: MITO OU REALIDADE?
1.1 – OS PRIMÓRDIOS DA HUMANIDADE / p.20
1.2 – DESVENDANDO A HISTÓRIA PARA DESCORTINAR A GÊNESE DO RACISMO / P.22
1.3 – A TESE DE GERVÁSIO FOURNIER-GONZÁLEZ / P.24
1.4 – CONSEQÜÊNCIAS DA UBIQÜIDADE NEGRA DURANTE A ALTA ANTIGUIDADE / P.27
– REFERÊNCIAS / P.33

CAP. 2 – A ESCRAVIDÃO ECONÔMICA GENERALIZADA GRECOROMANA:
PRIMEIRA ESTRUTURAÇÃO DE UM PROTO-RACISMO?
2.1 – XENOFOBIA OU PROTO-RACISMO? / P.34
2.2 – A FORMAÇÃO DOS VALORES SOCIOCULTURAIS GRECO-ROMANOS / P.37
2.3 – ESCRAVIDÃO GREGA E PROTO-RACISMO / P.40
2.4 – PERMANÊNCIA DAS INSTITUIÇÕES BALIZADORAS DO PROTO-RACISMO GREGO NOS
ESPAÇOS ROMANOS / P.49
2.5 – DESENVOLVIMENTO DE IDÉIAS PROTO-RACISTAS PELOS PENSADORES DA
ANTIGUIDADE ROMANA / P.51
– REFERÊNCIAS / 55

CAP. 3 – O RACISMO NO MUNDO ÁRABE- SEMITA E A ORIGEM DA
PRÁXIS DA ESCRAVIDÃO RACIAL
3.1 – RAÇA E ESCRAVIDÃO NO MUNDO ÁRABE / P.57
3.2 – MALDIÇÃO DE HAM: ORIGEM DA ESCRAVIDÃO RACIAL? / P.59
3.3 – A REPRESENTAÇÃO DO NEGRO NA LITERATURA POÉTICA ÁRABE / p.61
3.4 – A REPRESENTAÇÃO DO NEGRO NA LITERATURA RELIGIOSA / P.64
3.5 – O COMÉRCIO ÁRABE DE ESCRAVIZADOS NEGROS: ROTAS E COBRANÇAS DE
IMPOSTO EM ESCRAVOS / P.67
3.6 – A REVOLUÇÃO ZANJ: O MAIOR LEVANTE NO MUNDO ÁRABE DE AFRO-ÁRABES
ESCRAVIZADOS / P.70
3.7 – A EXPANSÃO DAS FRONTEIRAS DO IMPÉRIO PARA A ÁFRICA DO NORTE E PARA A
PENÍNSULA IBÉRICA: EXTENSÃO DO MODELO SÓCIO-RACIAL ÁRABE-SEMITA / P.73
– REFERÊNCIAS / 76

PARTE II.
O PAPEL DO RACISMO NA ECLOSÃO DA MODERNIDADE CAPITALISTA

CAP. 4 – CAPITALISMO E ESCRAVIDÃO: AS BASES RACIOLÓGICAS
DO MUNDO MODERNO
4.1 – A GÊNESE DO CAPITALISMO: ACIDENTE HISTÓRICO OU INEVITABILIDADE? /
P.79
4.2 – TESE DE MAX WEBER / P.79
4.3 – TESE DE JEAN BAECHLER / P.89
4.4 – TESE DE ERIC WILLIAMS / P.96
4.5 – TESE DE CHEIKH ANTA DIOP / P.98
4.6 – RITMOS DE DESENVOLVIMENTO SÓCIO-ECONÔMICO / P.105
4.7 – O RACISMO: PARTEIRO DA MODERNIDADE CAPITALISTA ? / P.108
– REFERÊNCIAS / P.115

CAP. 5 – COMO A EUROPA SUBDESENVOLVEU A ÁFRICA
5.1 – TESE DE WALTER RODNEY / P.118
5.2 – MODELO DE ORGANIZAÇÃO SOCIAL AFRICANO / P.120
5.3 – ESPECIFICIDADES DA ORGANIZAÇÃO PRODUTIVA / P.122
7
5.4 – ESPECIFICIDADES DA ORGANIZAÇÃO POLÍTICA / P.123
5.5 – AS RAÍZES DO SUBDESENVOLVIMENTO AFRICANO / P.125
5.6 – O COMÉRCIO EUROPEU DE ESCRAVIZADOS E O SUBDESENVOLVIMENTO AFRICANO /
P.127
5.7 – A TESE DE JOHN THORNTON / P.131
5.8 – A ÁFRICA, BERÇO DOS “TRÁFICOS NEGREIROS”? / P.134
5.9 – QUAL A RAZÃO PARA OS “TRÁFICOS NEGREIROS”? / P.137
5.10 – O IMPACTO DAS DINÂMICAS ECONÔMICAS MUNDIAIS SOBRE A ÁFRICA / P.147
– REFERÊNCIAS / 151

CAP. 6 – A ESCRAVIDÃO NA ÁFRICA PRÉ-COLONIAL: REALIDADES
ESTRUTURAIS VERSUS ARGUMENTOS IDEOLÓGICOS
6.1 – A ESCRAVATURA NA HISTÓRIA DA HUMANIDADE / P.153
6.2 – A ESCRAVIDÃO NA ÁFRICA / P.157
6.3 – A ESCRAVATURA AFRICANA: MODO DE PRODUÇÃO DOMINANTE OU SUBALTERNO?
/ P.166
– REFERÊNCIAS / 171

PARTE III.
TIPOLOGIAS DE RELAÇÕES RACIAIS DA CONTEMPORANEIDADE

CAP.7. DOS PROTO-RACISMOS DA ANIGUIDADE AO RACISMO
CONTEMPORÂNEO: A “MEMÓRIA ESQUECIDA” DA HUMANIDADE p.
7.1. AS TRÊS DINÂMICAS CONVERGENTES DO RACISMO / P.174
– REFERÊNCIAS / 182

CAP.8. OS MODELOS TIPOLÓGICOS DE RELAÇÕES RACIAIS PRÉ-
MODERNOS
8.1- A CONSCIÊNCIA GRUPAL FENOTIPIZADA / P.183
8.2- AS TIPOLOGIAS DE RELAÇÕES RACIAIS PIGMENTOCRÁTICAS / P.189
8.3- MISCIGENAÇÃO COMPULSÓRIA E RELAÇÕES RACIAIS NA AMERICA LATINA / P.196
– REFERÊNCIAS / 200

CONCLUSÃO
CAP.9. RACISMO: PASSADO CONFLITUOSO, PRESENTE
COMPROMETIDO, FUTURO INCERTO
9.1 – A ETERNA CONFUSÃO EM TORNO DO RACISMO / P.202
9.2 – O RACISMO NO SÉCULO XXI / P.204
9.3 – RACISMO E GLOBALIZAÇÃO: A CONSTANTE METAMORFOSE DO RACISMO / P.207

ANEXO I
ENTREVISTA COM CHEIKH ANTA DIOP
I – RAÇA, RACISMO E O LUGAR DOS NEGROS NO DESTINO DA HUMANIDADE. / P.213
ANEXO II
NA GUE DIEF, ANTA DIOP, SOU-MA-MAK?: (“COMO VAI, ANTA DIOP,
MEU VELHO IRMÃO?”) / p.225
PRINCIPAIS OBRAS DE CHEIKH ANTA DIOP / p.233
BIBLIOGRAFIA / p.234

.

Arquivo em pdf: O Racismo através da História – Carlos Moore

.

Fonte: http://www.abruc.org.br/sites/500/516/00000672.pdf

.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s